Home / Dores / Bruxismo

Bruxismo

Olá, tudo bem? Eu sou Kelly Lemos do Movimento Inteligente e hoje tenho um assunto muito importante para falar com você!

Você já deve ter ouvido falar, ainda que bem pouco, sobre o bruxismo. Talvez, até conheça alguém que sofra disso ou até mesmo seja alguém que sofre com o problema.

Se você mesmo apresenta os sintomas e está em busca de mais informações sobre este assunto, então veio ao lugar certo!

Hoje nós vamos esclarecer todas as suas dúvidas referentes ao bruxismo e ao final deste artigo você estará bem mais esclarecido sobre toda a situação!

O que é?

bruxismo é caracterizado pelo hábito de apertar e ranger os dentes enquanto a pessoa se encontra no estado do sono, podendo produzir ou não sons. 
Pessoas que sofrem com esse problema, geralmente possuem:

  • Dores de cabeça muito fortes;
  • Desgaste dos dentes;
  • Distúrbios gerados na articulação mandibular;
  • Dores no pescoço e nos músculos da face devido ao esforço que é feito pelos músculos da mastigação;
  • Estalos causados pelo simples ato de mover a boca;
  • Zumbido e dores no ouvido.

Ranger os dentes no período da noite e apertá-los durante o dia gera um problema progressivo onde a pessoa perde os parâmetros e só se dá conta de que tem bruxismo se conseguir prestar muita atenção na própria tensão muscular ou se alguém ouvir seus dentes rangendo de noite.

O estresse e a ansiedade fazem parte da vida e não do bruxismo

Em 100% dos casos as causas que geram este problema estão ligadas ao estresse. Por mais inacreditável que possa parecer, todos os pacientes que tem os sintomas de bruxismo sofrem com um aumento da tensão emocional.

Grande parte das dores musculoesquelética são de origem mecânica, ou seja, são causadas devido a uma posição ou um movimento que é aplicado nas articulações e nos músculos.

É por esse motivo mesmo que muitos pacientes que sofrem com bruxismo, dor de cabeça, ATM e dor de coluna afirmam sentirem um incômodo ao acordar, tendo uma melhora quase que repentina assim que levantam e passam a se movimentar.

O estresse é algo que cada vez mais se torna comum e atinge muitas pessoas na atualidade, e não é exatamente ele quem causa a dor, quando isso é compreendido fica mais fácil de administrar. 

O que os estudos dizem sobre o Bruxismo?

Estudos apontam que deixar a cabeça em uma posição para frente faz com que haja um enfraquecimento muscular do pescoço e logo depois um estiramento dos ligamentos, abaulamentos dos discos e nervos da coluna cervical.

Conforme dito pelo fisioterapeuta americano Knutson GA, a disfunção causada nos músculos da articulação da coluna cervical, dando uma ênfase na região superior, pode ser entendida como um fator de causa do bruxismo crônico muito comum nas crianças.

Estudos demonstraram que a ação de ranger e apertar os dentes são uma tentativa do fundo do subconsciente de retirar interferências ou posicioná-los, com a intenção de ganhar o maior número de contatos.

Isso pode acontecer graças a uma tentativa de acomodar a cabeça, o pescoço, ATM e boca, evitando, dessa maneira, uma tensão causada pela posição incorreta ao dormir. Afinal, em qual momento costuma aparecer mais os sintomas do bruxismo?

O Bruxismo é mais comum nas mulheres jovens

Embora o bruxismo seja algo que possa atingir pessoas de diversas idades, até mesmo crianças, ele acontece mais em mulheres de 15 a 40 anos. Segundo estimativa foi revelado que cerca de 30 milhões de brasileiros convivem com o problema.

Há relação entre Bruxismo e Apneia Obstrutiva do Sono?

Ter um sono de qualidade, capaz de repor todas as suas energias, é algo que pode ajudar a minimizar o estresse e, como consequência, o Bruxismo.

Quem tem problema de Apneia Obstrutiva do Sono tende a apresentar também reações como:

  • Ronco;
  • Respiração ofegante;
  • Ranger de dentes.

Sintomas

Não é só o desgaste que ocorre, mas também acontece um amolecimento dos dentes e a dor de cabeça faz parte de um dos sintomas mais comuns do bruxismo. Isso acontece graças a compressão exagerada que é feita dos dentes e pode levar à isquemia dos vasos que acabam entrando no ápice da raiz e depois à necrose dos vasos, da polpa dentária e dos nervos.

Outros sintomas do bruxismo são:

  • Zumbido e dor no ouvido;
  • Dor no pescoço;
  • Dor na mandíbula;
  • Dor nos músculos da face que são gerados devido ao esforço feito pelos músculos da mastigação,
  • Estalos ocasionados ao abrir e fechar a boca;
  • Alterações do sono.

A intensidade e a frequência com que ocorrem as crises podem ser bem variáveis de uma noite para outra.

Diagnóstico

Em grande parte das vezes, a pessoa só descobre que tem de fato o bruxismo, se alguém acabar contando a ela o que viu enquanto ela dormia, ou quando vai em busca de alguma assistência médica ou odontológica, porque os sintomas já fazem parte de sua vida e muitas vezes ela nem percebe.

Além da avaliação realizada na clínica, é importante fazer a polissonografia, que é um exame para identificar em qual grau o distúrbio está.

Tratamento natural para bruxismo

Você já ouviu falar em Movimento Inteligente? Se não, precisa conferir como tratar o bruxismo de forma natural com exercícios simples, porém muito úteis e benéficos, confira nesse vídeo agora mesmo!

Ficou com alguma dúvida? Que tal entrar em contato comigo?!

Faça parte do MAIOR PROGRAMA CORPORAL QUE EXISTE! Entre agora mesmo na janela verde logo abaixo e cadastre-se gratuitamente para receber mais dicas!

Sobre Kelly Lemos

Veja também

Analgésicos naturais surpreendentes que tiram a dor

Olá, tudo bem? Aqui é a Kelly Lemos do Movimento Inteligente e hoje falarei sobre …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Aprenda a ALIVIAR 80 a 100% da DOR CRÔNICA na COLUNA e ARTICULAÇÕES em Apenas 8 Semanas.

(Sem Remédios, Sem Cirurgias e Sem Sair de Casa)

envelope