Home / Dores / Tratamento natural para lúpus, síndrome do pânico e isquemia

Tratamento natural para lúpus, síndrome do pânico e isquemia

Olá, tudo bem? Aqui quem fala é Kelly Lemos do Movimento Inteligente. Hoje eu te revelarei como é possível você tratar naturalmente diversas doenças!

Você já ouviu falar de doenças como Lúpus, Síndrome do Pânico e Isquemia?

Cada uma apresenta reações diferentes no corpo humano e consequentemente os tratamentos também são diferenciados. Explicaremos de forma simples e objetiva sobre o universo dessas patologias. Confira!

O que é Lúpus?

É considerada uma doença autoimune, ou seja, o sistema imunológico do paciente passa atacar as células do próprio corpo. Atingindo e destruindo as células saudáveis do organismo, ela pode atacar o cérebro, articulações, rins e principalmente a pele.

Há dois tipos de lúpus mais recorrentes, que são:

  • Cutâneo: atinge a pele
  • Sistêmico: atinge outros órgãos pela inflamação

Sintomas

O portador de Lúpus pode apresentar os sintomas repentinamente ou poderá desenvolvê-los mais vagarosamente. Os sinais podem variar de caso para caso, citaremos os mais comuns:

  • Dores nas articulações;
  • Dificuldade para respirar;
  • Dores no peito;
  • Inchaço e rigidez na musculatura;
  • Fadiga;
  • Feridas na boca;
  • Ansiedade;
  • Dores de cabeça;
  • Confusão mental;
  • Sensibilidade à exposição ao sol;
  • Coceira excessiva;
  • Manchas vermelhas na pele.

Causas

Ainda não há estudos que comprovem a causa específica da doença, mas acredita-se que o fator genético somado aos fatores externos podem desencadear o Lúpus.

Tratamento para Lúpus

Segundo a Sociedade Brasileira de Reumatologia, o tratamento varia muito de acordo como os sintomas que aparecem nos pacientes. Mas geralmente é incluso remédios para regular as alterações imunológicas e outras modificações que acontecem com a evolução da doença, como: dor, febre, pressão alta etc. É recomendado que o portador evite ficar em exposição solar.

O que é Síndrome do pânico?

É considerado um tipo de transtorno de ansiedade, podem ocorrer crises inesperadas de muito desespero e o sentimento de medo, de que algo ruim possa acontecer, mesmo que não haja motivo aparente para isso. Segundo Organização Mundial da Saúde (OMS) esse tipo de transtorno de ansiedade pode afetar de 2 a 4 % da população mundial.

Sintomas da síndrome do pânico

Uma crise da síndrome do pânico pode durar cerca de 10 minutos e ocorre a qualquer momento, até mesmo durante o sono. Os sintomas poderão ser:

  • Falta de ar;
  • Tontura e fraqueza;
  • Taquicardia;
  • Sudorese;
  • Dor no peito ou no estômago;
  • Formigamento nas mãos.

Causas

Não há uma causa definida, mas é possível que os fatores ambientais, históricos e socioculturais possam contribuir para a doença.

A patologia atinge duas vezes mais as mulheres do que os homens, geralmente ocorre no início da adolescência até a vida adulta. Outro fator que pode desencadear a Síndrome do Pânico tem base na genética, estudos apontam que é mais comum em pessoas que já possuem um histórico familiar.

Tratamento para Síndrome do Pânico

Cada profissional atuará conforme a sua linha de atuação, propondo um determinado tratamento específico para cada paciente. Muitos médicos defendem o uso de remédios, e já outros acreditam que é possível tratar com a psicoterapia e procedimentos naturais – de modo que o organismo não seja afetado.

O que é Isquemia Cerebral?

É uma redução do fluxo sanguíneo que afeta o cérebro ou parte dele, devido à obstrução arterial.  Isquemia: o que pode ocasionar?

  • À morte do tecido
  • Enfarte cerebral
  • Acidente vascular cerebral isquêmico

Sintomas para a Isquemia

Pode durar apenas alguns segundos ou minutos. Se o cérebro for muito prejudicado as consequências podem se tornar irreversíveis, entre os sintomas mais comum são:

  • Dificuldade de movimentar-se e falar;
  • Inconsciência;
  • Dificuldade de coordenação motora;
  • Fraqueza em um braço ou uma perna;
  • Fraqueza em um lado só do corpo;
  • Tontura;
  • Visão dupla;

Causas para a Isquemia

Patologias no cérebro, nos pulmões e no coração também podem desencadear a isquemia. O acúmulo de placas nas artérias, coágulos sanguíneos e cardíacos congênitos são alguns dos fatores para o aparecimento da doença.

Tratamento para Isquemia

O processo mais comum para tratar a isquemia é fazer o uso de medicamento que tem como função normalizar o fluxo sanguíneo no cérebro. Deve ser utilizado em até quatro horas depois do início dos sintomas, desse jeito poderá minimizar as chances de sequelas. Caso houver problemas, o paciente precisará fazer reabilitação com fonoaudióloga, fisioterapeuta e outros especialistas.

A rapidez do atendimento aumenta as chances de reduzir as possíveis consequências no corpo, que podem envolver a perda dos movimentos, da sensibilidade, dificuldade para falar e/ou entender, alterações cognitivas e de memória.

Para a Organização Mundial de Saúde (OMS), cinco milhões de pessoas ficam incapacitadas por sequelas de AVC anualmente em todo o mundo.

História de superação

Agora, você quer saber como é possível tratar naturalmente esses problemas de saúde?

Um caso de superação e muito motivador tem sequência com o depoimento da Gina Mara.

Ela teve doenças como: lúpus, pânico, isquemia, síndrome de jugre e hoje sua vida é totalmente diferente.

Gina conta no vídeo logo abaixo, onde você poderá assistir; que conheceu pelas redes sociais meu programa sobre Movimentos Inteligentes e foi dessa forma que ela conseguiu retomar a sua vida.

Antes de conhecer o Método dos Movimentos Inteligente, Gina ficou acamada por cinco anos, tinha perdido todo o cabelo, não conseguia ter qualidade no sono e chegou ao ponto que não conseguia mais tomar as medicações – elas já não faziam efeito.

Sem esperança alguma, ela acreditou em minha proposta de tratamento e deu início aos exercícios propostos pelo programa, que são movimentos específicos na missão de aliviar as dores e resultado? Funcionou muito bem para ela.

Nem mesmo os médicos, tinham esperança sobre seu caso, o próximo passo do tratamento da Gina seria a internação e como ela mesma mencionou: “Graças a Deus, e a Kelly Lemos, minha vida mudou”.

Momentos como esse é que dão esperança para as pessoas que passam por alguma doença e que por muitas vezes experimentam momentos desesperadores. O tratamento com acompanhamento médico é essencial, mas procurar alternativas naturais é uma escolha fundamentalmente válida!

É importante que você procure ajuda. A melhora só ocorrerá se houver comprometimento e confiança no tratamento proposto!

Por isso, para que você também tenha a chance de experimentar mudanças verdadeiras em sua vida, cura para diversos males, trazendo equilíbrio para seu corpo, eu te faço um CONVITE TODO ESPECIAL!

Participe do próximo Workshop que acontecerá e vivencie essa TRANSFORMAÇÃO ESPETACULAR!

CLIQUE AQUI!

E assista o vídeo com o depoimento da Gina!

Te encontro no Workshop!

Forte abraço.

Kelly Lemos – Criadora do Movimento Inteligente!

Sobre Kelly Lemos

Kelly Lemos é especialista no método Feldenkrais, Certificada pela IFF (Internacional Feldenkrais Federation). É Mestre em Psicossociologia pela UFRJ, Terapeuta Corporal Reichiana, Fisioterapeuta do Instituto Nacional de Traumato-ortopedia (INTO), Especialista em Neuropediatria pela UFSCar e possui Formação em Mindfulness pela UNIFESP, Formação em RPG, Formação em Bobath adulto e pediátrico e Formação em maintland e mulligan.

Veja também

Analgésicos naturais surpreendentes que tiram a dor

Olá, tudo bem? Aqui é a Kelly Lemos do Movimento Inteligente e hoje falarei sobre …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Aprenda a ALIVIAR 80 a 100% da DOR CRÔNICA na COLUNA e ARTICULAÇÕES em Apenas 8 Semanas.

(Sem Remédios, Sem Cirurgias e Sem Sair de Casa)

envelope