Home / Alerta / Dores emocionais: O que elas causam no seu corpo?

Dores emocionais: O que elas causam no seu corpo?

O seu corpo grita! O seu corpo também fala, sabia disso?

Eu sou Kelly Lemos do Movimento Inteligente e hoje quero falar com você sobre as dores emocionais e como elas refletem em seu corpo.

Sua noite foi difícil e o sono não veio e como resposta a sua cabeça dói e você mal consegue se concentrar no trabalho…

O seu corpo pede socorro…

O estresse e a ansiedade têm se tornado cada dia mais comuns na sua rotina e suas costas avisam, “Estou no meu limite”.

O seu corpo dói…

O ser humano tem a máquina mais perfeita e complexa que pode existir sobre a face da terra, o corpo físico, que está totalmente integrado com a mente e responde a todos os estímulos enviados ao seu cérebro.

As dores são uma forma de comunicação que seu corpo usa para sinalizar que alguma coisa não está bem, um alerta de que seu estado emocional requer cuidados e que seus sentimentos podem estar em completo desequilíbrio.

As experiencias negativas, sobrecarga emocional, insatisfação… estão fortemente ligadas a dores que o seu corpo apresenta e muitas vezes a principal causa de dores tão intensas é a falta de autoconhecimento e autocuidado.

Acompanhe agora como as emoções afetam cada parte do seu corpo e como praticar o alívio da dor de maneira natural

As emoções e as dores

O seu corpo é muito claro na hora de pedir ajuda e pode indicar exatamente qual o ponto precisa ser melhorado para atingir a cura e o alívio da dor.

Observe:

  • Dores de cabeça: As dores de cabeça e enxaquecas estão ligadas a necessidade de tomar uma decisão ou ao excesso de preocupação com algumas situações do dia a dia, elas se manifestam quando você não consegue se desligar dos problemas.
  • Dores musculares: Músculos doloridos sem nenhuma causa aparente pode ser inflexibilidade diante da vida e de si mesmo, a constante cobrança quanto as suas relações pessoais, trabalho e a você mesmo podem causam rigidez e desconforto muscular.
  • Dores nos ombros: Você parece carregar o mundo sobre os ombros ao final do dia? Pois é exatamente isso que causa as dores nas costas e ombros: a sobrecarga de problemas, a necessidade excessiva de resolver tudo para todos – a todo momento.
  • Dores na lombar: O desconforto nessa região pode indicar situações financeiras mal resolvidas ou até mesmo a necessidade de mais afeto.
  • Dores nas mãos: As mãos significam a sua conexão com próximo, se você está em desarmonia com o outro, as suas mãos podem sinalizar problemas.
  • Dores no joelho: significa a dificuldade de ceder de se dobrar diante das situações, a parte externa pode indicar problemas pessoais e a interna com trabalho e a comunidade.
  • Dores pés: Pode estar ligado a depressão, o excesso de emoções negativas e destrutivas podem causar dores nos pés.
  • Fadiga: Está ligada ao tédio, a sensação de não poder avançar em suas conquistas.
  • Dores no tornozelo: Significa que você está se privando do prazer, que não se permite sensações prazerosas.
  • Dores no quadril: Resistência a mudanças.

Consegue observar como as emoções afetam cada pedacinho de você e em como cada parte de você sinaliza um problema?

Pois é, seu corpo fala com você, basta prestar atenção para entendê-lo.

Se liberte das dores emocionais

Mas sabe qual é a boa notícia?

É que você pode se livrar das dores no corpo causadas pelas emoções negativas.

Encontre a causa das dores – Se conheça, observe seu corpo, sua vida, o momento que está passando, procure o porquê de todas essas manifestações físicas. O primeiro passo para o alívio das dores emocionais é o autoconhecimento.

Crie hábitos saudáveis – Não basta apenas identificar o problema, se você continuar com os mesmos pensamentos negativos e as mesmas ações sabotadoras, de nada adianta entender a dor, porque ela não será solucionada!

Por isso crie o hábito de “pensar para o bem”, exercite a sua capacidade de estimular positivamente o seu cérebro, para que possa criar a saúde e emitir o sinal a todo o seu corpo.

Não permita que sentimentos nocivos invadam sua mente e seu corpo, quando eles tentarem invadir suas emoções, mude o foco e faça algo que dê prazer ou então agradeça, o sentimento de gratidão tem efeitos curativos no seu corpo.

Pratique atividades que desperte e emoções positivas, toda e qualquer ação que permita despertar sentimentos bons, podem ajudá-lo a anular as dores físicas.

Assuma a condição de agente – Saia imediatamente da posição de paciente e assuma o controle das suas emoções, entenda a sua responsabilidade diante dos seus sentimentos e que a cura depende de você e da maneira como encara a vida

Permita-se –  cuide-se, acarinhe-se, permita-se sentir e receber amor, encha a sua vida de pensamentos e emoções positivas.

Desconecte-se do estresse e das atribulações diárias, separe um momento para cuidar única e exclusivamente de você a mediação e a yoga podem ajudá-lo nessa questão.

Acredite em você –  comece a entender que você é capaz de promover a auto cura em seu corpo! Através de estímulos positivos enviados ao cérebro e repassado ao corpo.

Mente e corpo são um só e não podem ser tratados de maneira separada, por isso nutra seus sentimentos e emoções positivamente e perceberá as mudanças acontecendo.

Equilibre-se – Para ter bons resultados é necessário encontrar o equilíbrio em sua vida,

  • Praticar a amorosidade
  • Ter sensações e emoções prazerosas
  • Exercitar o autoconhecimento e o autocuidado.
  • Praticar a resiliência
  • Mudar o que é possível e aceitar o que não pode ser mudado.
  • Exercitar seu corpo.
  • Alimentar sua alma.

Enfim, ame-se e aceite-se, entenda que o peso do mundo não precisa estar sobre os seus ombros…

Reflita sobre seus atos, sobre suas escolhas e suas emoções, e entenda que deles dependem a saúde do seu corpo, por isso, mantenha sempre o alto-astral e as emoções positivas!

E seja feliz! A vida é muito breve para questionamentos infundados e tristezas desnecessárias!

Aceite a vida como ela verdadeiramente é, mude o que for preciso para ter uma melhor saúde e bem-estar, aprenda a lidar com suas emoções e seu corpo irá agradecer com o alívio das dores!

VEJA ESSE VÍDEO:

Sobre Kelly Lemos

Veja também

Dores crônicas e os traumas emocionais

Você já passou por alguma situação onde pensou que o trauma emocional foi tamanho, que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Aprenda a ALIVIAR 80 a 100% da DOR CRÔNICA na COLUNA e ARTICULAÇÕES em Apenas 8 Semanas.

(Sem Remédios, Sem Cirurgias e Sem Sair de Casa)

envelope