Home / Alerta / Problemas de saúde por falta de vitamina A

Problemas de saúde por falta de vitamina A

Hipovitaminose, a deficiência de vitamina no corpo que pode acontecer pela má alimentação e até mesmo pelo desequilíbrio que surge após uma doença ou hábitos poucos saudáveis, é mais comum do que se pensa.

 A falta de vitamina A, é um problema de saúde pública que atinge principalmente as crianças em período pré-escolar e as mulheres grávidas, ficando ainda mais séria no terceiro trimestre da gestação.

No geral a falta de vitaminas no corpo vai criando um efeito dominó, a deficiência de uma, vai impedindo a absorção de outra, até chegar em um estágio em que o organismo pode ficar bastante debilitado.

Você já se perguntou quais as causas da falta de vitamina A no organismo?

Se há uma maneira de repor naturalmente?

E quais os problemas que a hipovitaminose A pode causar no seu organismo?

Fique de olhos bem atentos e descubra um pouco mais sobre essa deficiência e como melhorar a sua saúde e o equilíbrio vitamínico do seu corpo!

Qual importância da vitamina A?

A vitamina A é um nutriente de extrema importância no organismo humano, ela auxilia:

  • Boa visão.
  • Crescimento e desenvolvimento na infância.
  • Sistema imunológico.
  • Na integridade das células epiteliais.
  • Defesa antioxidante.
  • Expressão gênica.
  • Na reprodução.

Por se tratar de uma vitamina lipossolúvel que é sintetizada no intestino, doenças que afetam a absorção de gordura no órgão acabam atingindo a assimilação do nutriente no corpo.

Quais problemas a falta de vitamina A podem provocar?

A falta de vitamina A pode acarretar vários sintomas no corpo humano, o principal deles é a chamada cegueira noturna que causa a incapacidade de distinguir imagens sem iluminação adequada, é importante lembrar que esse sintoma aparece quando a hipovitaminose já está em um estágio avançado.

Além desse sintoma, a falta da vitamina A ainda pode provocar:

  • Acne.
  • Gripes e infecções constantes.
  • Dor de cabeça.
  • Unhas fracas.
  • Anemia.
  • Falta de apetite.
  • Diminuição da fertilidade.
  • Alterações e feridas na superfície da pele.
  • Cabelos fracos.

Em crianças, a manifestação da falta de vitamina A, pode também acarretar interrupção no crescimento e desenvolvimento ósseo.

Quais as causas da deficiência da vitamina A?

As causas da deficiência da vitamina A pode estar relacionada a:

  • Alimentação inadequada, pobre em nutrientes fontes de vitamina A.
  • Gordura em quantidades inadequadas, lembre-se: um organismo equilibrado precisa também de gordura do bem para absorver os nutrientes necessários.
  • Alcoolismo.
  • Deficiência de zinco no organismo que está diretamente ligado ao transporte e sintetização da vitamina A.
  • Doenças que impeçam a absorção intestinal.
  • Doenças que impeçam a absorção de gordura pelo organismo.

A falta de amamentação ou a introdução precoce de uma alimentação inadequada em bebê e crianças na primeira infância também podem causar a deficiência da vitamina A.

Como repor a vitamina A no organismo?

A quantidade de vitamina A que deve ser ingerida diariamente e é variável de acordo com a idade de cada indivíduo, observe:

– Menores de 6 meses: 400 mcg.

– De 7 a 12 meses: 500 mcg.

– De 1 a 3 anos: 300 mcg.

– De 4 a 8 anos: 400 mcg.

– De 9 a 13 anos: 600 mcg.

– Maiores de 13 anos do sexo masculino: 1000 mcg.

– Maiores de 13 anos do sexo feminino: 800 mcg.

E você sabe quais as fontes naturais de vitamina A?

Bons exemplos de onde encontrar a vitamina A através da alimentação são:

  • Batata-doce.
  • Cenoura.
  • Espinafre.
  • Acelga.
  • Nabo.
  • Brócolis
  • Tomate.
  • Mamão
  • Ovos.
  • Camarão.
  • Salmão.
  • Sardinha.
  • Atum.
  • Couve.

Lembrando que, uma alimentação saudável e variada já é suficiente para ter a vitamina A e também todos os outros nutrientes que seu corpo precisa para um funcionamento equilibrado.

Em alguns casos o médico ou nutricionista pode indicar o consumo de vitamina A através de poli vitamínicos para suprir a necessidade do organismo, mas fique atento, não se medique sem orientação, pois o excesso de vitaminas também pode acarretar danos ao corpo.

Equilibre-se e mantenha-se vitaminado!

Como você pode perceber o desequilíbrio corporal é o principal causador da hipovitaminose, se existir uma má alimentação ou uma doença, a vitamina A não consegue exercer as suas funções de maneira adequada e a deficiência se instala.

Por isso o convite é, equilibre-se e mantenha-se vitaminado!

Lembre-se, hábitos saudáveis englobam pensamentos e ações adequadas, por isso mantenha sempre 3 fatores de saúde:

  • Comer saudável.
  • Agir saudável
  • Pensar saudável.

O excesso ou a completa privação desses 3 fatores são causa de desequilíbrio, portanto, mantenha sempre a estabilidade entre eles.

Por isso, pratique atividades físicas, alimente-se adequadamente e preencha a sua mente com pensamentos de positivismo e cura, acredite, médicos e neurocientistas comprovam a eficácia de uma mente sã para um corpo são.

Dicas e curiosidades sobre a vitamina A

Uma boa maneira de encontrar a fonte de vitamina A nos alimentos é se guiar pelas cores, vegetais com boas doses desse nutriente tem coloração avermelhada, verde-escuro e laranja.

Uma descoberta útil é que quando o tomate é ingerido após ser cozido, os níveis de carotenoides (substância importante para absorção da vitamina A), são maiores do que quando ingeridos frescos.

Outro alimento que ao ser cozido oferece mais benefícios para o equilíbrio da vitamina A, é a cenoura.

As gorduras do bem como óleos vegetais e azeite são de extrema importância no preparo dos alimentos pois ajudam o organismo a absorver a vitamina A.

Por fim, uma coisa é fato, não há exageros e tão pouco radicalismo que traga saúde a sua vida, por isso, não adianta comer latas e mais latas de molhos de tomate industrializados, o melhor remédio são os alimentos in natura.

Então, experimente uma vida simples e equilibrada, mantendo um ritmo constante e que respeite o seu organismo e o tempo que ele precisa para trabalhar de maneira adequada, mastigue bem e entenda como cada alimento pode ser benéfico a sua saúde!

Alimente-se, exercite-se e mantenha uma vida saudável e feliz!

Sobre Kelly Lemos

Veja também

Dores crônicas e os traumas emocionais

Você já passou por alguma situação onde pensou que o trauma emocional foi tamanho, que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Aprenda a ALIVIAR 80 a 100% da DOR CRÔNICA na COLUNA e ARTICULAÇÕES em Apenas 8 Semanas.

(Sem Remédios, Sem Cirurgias e Sem Sair de Casa)

envelope