Home / Aprenda / Você sabe o que te impede de melhorar das dores corporais?

Você sabe o que te impede de melhorar das dores corporais?

O que você faz diante de uma crise de dor, seja ela crônica ou aguda?

  • Dor na lombar.
  • Enxaqueca.
  • Dor nos joelhos.
  • Dor no estômago.

Seja lá qual for o seu tipo de dor, a maioria das vezes todos tem a mesma atitude, fugir, querer esquecer ou pior ainda, tentar pressionar ainda mais o local dolorido para ver se passa. Isso acontece com você?

E acredite, isso é feito de maneira quase inconsciente, algumas dores são tão incapacitantes que a pessoa toma medidas desesperadas para que ela desapareça.

Mas a boa notícia é que isso não precisa mais acontecer, isso porque já existe o movimento inteligente que trata seu corpo de forma unificada e não fragmentada, e oferece a você a oportunidade de melhorar das dores corporais de uma vez por todas.

E hoje você terá a oportunidade de conhecer algumas dicas que tem como fundamentação os movimentos inteligentes e a conexão corpo e mente, que permitirão que você alivie sua própria dor durante as crises.

Uma prática para o alívio imediato da dor

Pode parecer óbvio, mas acredite, quando uma dor se instala, muitas vezes você se esquece de respirar!

A respiração é a coisa mais importante que deve ser feita durante uma crise de dor, através dela é que se mobiliza a circulação sanguínea no seu corpo e também é o que faz o oxigênio percorrer todo seu organismo. É a partir daí que se dá a renovação celular.

Observe essa prática;

  • Pare.
  • Feche os olhos e respire longa e lentamente.
  • Levando o ar até o ponto de dor, imaginando que ele chega até o local dolorido, circulando e voltando.
  • Sinta o movimento da respiração em seu corpo.
  • Visualize ao soltar o ar que as tensões e as dores estão deixando seu corpo, e que um novo ar está entrando e trazendo o alívio para o seu organismo.
  • Repita várias vezes, inspirando pelo nariz e soltando pela boca.

A importância da respiração no alívio da dor

Você sentiu a dor aliviar?

Como você pode observar é imediato e isso não é nenhuma mágica, é a anatomia do seu corpo agindo em prol do alívio da dor.

O diafragma que é o responsável pela sua respiração é composto por fáscias que é um tecido conjuntivo que irradia por toda sua coluna.

Pois é, ao respirar você utiliza esse tecido e mobiliza toda a sua coluna através do movimento das fáscias, liberando a sobrecarga dos ombros, dos quadris ou de qualquer outro lugar que esteja dolorido no seu corpo.

Visualize seu movimento e alcance a cura

E como o princípio do movimento inteligente é equilibrar a conexão corpo e mente, é muito importante que após o alívio da dor, você comece a fortalecer um caminho para que a dor seja extinta de uma vez por todas.

E como fazer isso?

Mande estímulos através do seu pensamento para lubrificar suas articulações e aliviar suas dores.

Perceba e imagine cada movimento feito com liberdade e qualidade, de forma prazerosa sem dor, por exemplo, se seus pés estão doendo, faça essa visualização sentindo que seus pés são livres e eficientes e que você pode caminhar, correr e dançar!

Não faça, só imagine, crie uma imagem mental.

Para ter certeza de que a melhora é real, faça um pé de cada vez, ou a coluna, braços… assim por diante. Mentalize e visualize os progressos a partir do campo mental.

Uma grande dica é ligar uma música prazerosa e se visualizar numa dança maravilhosa ou então se ver andando de bicicleta e até nadando, essa prática aliada a respiração é infalível!

Lembre-se movimentos suaves e prazerosos! Faça tudo devagar, com carinho e na proporção que você sabe que dá. Acredite em seu corpo e na possibilidade de se curar!

O grande segredo é aprender a usar o seu corpo como um todo e para a prevenção dos episódios doloridos, perceba seus movimentos, acalme seu sistema nervoso através dos estímulos mentais e dos movimentos inteligentes.

Não faça nada forçado ou brusco, movimentos suaves e prazerosos sempre, isso é um uma nova maneira de se olhar e de aprender a se conhecer e a se mexer de forma inovadora e inteligente.

  • Respire
  • Visualize.
  • Movimente-se.

E jamais se esqueça: a dor não é uma constante na sua vida, você pode ter o completo alívio e cura para todo seu organismo. Acredite! Essa cura é real, comprovada, eficaz e está ao seu alcance!

Sobre Kelly Lemos

Veja também

Dores crônicas e meditação – 4 dicas infalíveis para acabar com elas

Então você está buscando por dicas de como acabar com as dores crônicas? Pois saiba …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Aprenda a ALIVIAR 80 a 100% da DOR CRÔNICA na COLUNA e ARTICULAÇÕES em Apenas 8 Semanas.

(Sem Remédios, Sem Cirurgias e Sem Sair de Casa)

envelope